Barra de Proteção

AutoZ

O Projeto de Lei 441/07, que tramita na Câmara dos Deputados, deve tornar obrigatório o uso de barra de proteção nas portas laterais dos automóveis e no entre-eixos dos demais veículos. A obrigatoriedade estenderia-se para veículos de carga de grande porte, reboques, semi-reboques e automóveis de passageiros, seguindo normas do Contran (Conselho Nacional de Trânsito). No texto, a norma teria um prazo de dois anos para entrar em vigor e alteraria a Lei número 9503/97 do Código de Trânsito Brasileiro.

A idéia do projeto é tornar menos graves colisões de veículos menores com caminhões pelo lado lateral, oferecendo proteção como se fosse um pára-choque. A deputada Sandra Rosado, autora do projeto, entende que, muitas vezes, ocorre o chamado “efeito cunha” nos acidentes, pelo qual o veículo de menor tamanho é deformado e introduzido sob o veículo maior em caso de choque. Segundo ela, essa barra diminuiria esse efeito.

Além disso, ela acredita na maior preservação da estrutura do veículo e dos equipamentos, como o tanque de combustível. O projeto está sendo analisado pelas comissões de Viação e Transportes, de Constituição e Justiça e de Cidadania, em caráter conclusivo. (AutoZ)

Voltar