Petrobras inicia a operação do Vaporduto na região do Vale do Açu

A Petrobras iniciou a operação da primeira etapa do Projeto de Injeção Contínua de Vapor (Vaporduto), na região do Vale do Açu (RN), em 20 de janeiro último. A Petrobras investiu neste empreendimento mais de 200 milhões de dólares. O vaporduto do Vale do Açu é o maior do mundo, com uma extensão de aproximadamente 30 km, e o primeiro a operar com vapor superaquecido.

O projeto do Vaporduto consiste em injetar 610 toneladas de vapor por hora, nos campos de produção de Estreito e Alto do Rodrigues. Nessa primeira fase, 42 poços de petróleo, do campo de Estreito, estão recebendo o vapor que é gerado pela Usina Termelétrica Jesus Soares Pereira (Termoaçu) e distribuído para os poços através de uma rede de dutos.

Quando concluído, o projeto representará um acréscimo na produção de petróleo do Vale do Açu de 18 mil barris por dia. O aumento na produção irá gerar benefícios como: maior arrecadação de impostos e royalties, geração de empregos e desenvolvimento econômico do Estado e dos municípios. O Projeto de Injeção de Vapor é um dos quatro grandes projetos da Petrobras para elevar a atual produção diária de 75 mil barris de óleo para 115 mil até 2011, no Rio Grande do Norte e Ceará.

O evento de início das operações do vaporduto contou com a presença da governadora do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria, do diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Guilherme Estrella e do presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte, Flávio Azevedo.



Fonte: Agência Petrobras/TN Petróleo, janeiro/10

Voltar