GNV ganha competitividade com aumento da gasolina e etanol


Além de ser a opção mais econômica, o gás natural veicular também é ambientalmente correto.

O GNV, Gás Natural Veicular, ampliou sua competitividade em julho de 2014, quando a SCGÁS resolveu impulsionar as vendas e consolidar o produto no mercado praticando a política comercial que diminuiu a tarifa do produto em R$0,13 por metro cúbico - ação que segue em vigor. Com a medida, a companhia registrou crescimento de 3,5% no volume de vendas entre julho e dezembro do ano passado.
A principal vantagem ao consumidor de GNV é a economia. Segundo o site da ANP - Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis – o preço médio da gasolina em Santa Catarina atualmente é R$3,32, enquanto o etanol está em R$2,73 e o GNV em R$2,06. O gás natural veicular também tem rendimento melhor comparado aos demais combustíveis. Enquanto o veículo com GNV rende 12 km/m³, a gasolina faz 10 km/l e o etanol 8 km/l, em escala proporcional.
Quanto mais quilometragem o veículo realizar, maior o benefício do GNV. No caso de um carro que rode 1.200 quilômetros por mês, média de 40 km por dia, a economia mensal em relação à gasolina é de R$192,40 e ao etanol é de R$203,50. Ou seja, hoje a vantagem do GNV comparado à gasolina e ao etanol ultrapassa os 50%.
*Se você ficou interessado em mudar seu veiculo pra gás natural, fique atento as vantagens e desvantagens:
Vantagens
De cara vale destacar aquele aumento da vida útil que o gás GNV fornece aos escapamentos, no mínimo 20% superior se comparar com os combustíveis fósseis, como a gasolina, por exemplo, responsável por reter maior quantidade de água.
No mito de GNV ser prejudicial ao motor existe a ideia dos bicos injetores ficarem entupidos por causa do uso deste combustível. Porém, especialistas dizem com toda certeza que ao invés de entupir o gás ajuda a limpar, afinal, é tecnologia limpa.
Outra vantagem está em fazer com que o óleo dure por maior tempo, isto porque não há chances de contaminação. Especialistas indicam que o prazo de troca pode se estender entre 1 mil e 2 mil quilômetros.
Motoristas diminuem a carga tributária! Veículos com GNV registrado no documento podem reduzir o IPVA em 25% se comparar com tributos que devem pagar os carros movidos por combustível fóssil.
No bolso a economia por uso do GNV é incomparável, preço 70% menor no valor por litro do que a gasolina comum. Com as reservas de petróleo acabando no mundo (hoje temos 160 milhões de toneladas deste recurso fóssil), que devem durar por 40 anos, as chances dos preços aumentarem são grandes.
Reserva de GNV do planeta Terra garante abastecimento para 80 anos, o dobro do petróleo, que origina gasolina e faz parte do etanol.Menor envio de gases que aceleram o aquecimento global.

Fonte: Portal da Ilha Notícias
Publicado em 25/02/2015

Voltar