Consumidor poderá optar por álcool, gasolina ou gás natural


O conversor eletrônico que transforma motores de veículos em tri-combustível será lançado na segunda quinzena de janeiro. Ele permite o uso de álcool em veículos construídos para usar gasolina. Em conjunto com o kit de gás natural (GNV), o consumidor poderá escolher entre três combustíveis na hora de abastecer.


A tecnologia foi desenvolvida pela empresa Exsto Tecnologia do pólo eletrônico de Santa Rita Sapucaí e contou com o apoio do Sebraetec – Programa de consultoria tecnológica do Sebrae - no seu processo de criação. O Sebraetec oferece subsídios para a criação, melhoria e inovação de processos e produtos de micro e pequenas empresas.

Benefícios
O conversor tri-combustível poderá ser instalado em carros fabricados a partir de 1993, movidos exclusivamente a gasolina e que possuem injeção eletrônica. O trifuel – nome dado ao conversor - permite que o motorista mude o uso dos combustíveis mesmo com o carro em movimento.

A utilização do conversor também possibilita a redução da poluição ambiental. O diretor comercial da Exsto Tecnologia, César Sodré de Alckmin, afirma que um carro a álcool polui 25% menos em comparação a gasolina. O GNV reduz em até 70% a emissão de poluentes.

“O trifuel trará maior economia, preservação do meio ambiente e liberdade na escolha do combustível. O equipamento possui fácil instalação. O nosso cliente pode trocar de carro e continuar utilizando o mesmo conversor”, recomenda Alckmin.

Onde instalar
O trifuel será comercializado em oficinas mecânicas especializadas em injeção eletrônica e em empresas que fazem a conversão e instalação do kit GNV. O produto levou cerca de dois anos para ficar pronto e foi testado em mais de dez veículos. Cerca de 500 peças já estão prontas para comercialização. O conversor custará cerca de R$ 300,00.

Voltar